Diversidade, em todos os sentidos

 

A polêmica envolvendo as declarações recentes do papa Bento XVI e as contestações do deputado federal Jean Wyllys (PSOL-RJ) movimentou hoje um embate de “Trending Topics” no Twitter brasileiro.

De um lado, manifestantes religiosos católicos subiram a hashtag “#RetrateseDepJeanWyllys”, em tentativa de pressionar o deputado Jean Wyllys a se retratar por suas contestações ao papa. O pontífice, em seu discurso de ano novo a diplomatas de cerca de 180 países disse que a união homossexual é um “tema crucial” e que ameaça a humanidade. Quando o papa disse isso publicamente, ofendeu e desrespeitou, na sua dignidade humana, milhões de pessoas homossexuais no mundo inteiro.

Em resposta às declarações de Bento XVI Wyllys informou, em 09/01, pelo Twitter, que “Bento XIV – o papa suspeito e acusado de ser simpatico ao nazismo – disse que o casamento civil igualitario é uma ameaça à humanidade”, e protestou, logo em seguida, contra essa declaração do papa: “Ameaça ao futuro da humanidade são o fascismo, as guerras religiosas, a pedofilia e o abusos sexuais praticados por membros da Igreja.”

O fato de o “#RetrateSeDepJeanWyllys” ter aparecido em segundo lugar nos Trending Topics parece ter gerado o resultado contrário àquele pretendido pelos manifestantes religiosos. Além de Wyllys não ter se retratado, o movimento acabou por gerar uma onda de apoio espontâneo ao deputado.

Não demorou muito para que uma nova hashtag – a “#RetrateSePapa” – superasse o lugar da anterior, aparecendo em primeiro lugar. Grande parte dos posts com a hashtag de apoio a Wyllys vinha acompanhada de #casamentoigualitario, em referência à proposta de emenda constitucional (PEC) pelo casamento civil entre pessoas do mesmo sexo, formulada pelo deputado.

Saiba mais sobre o tema neste link: http://jeanwyllys.com.br/wp/jean-wyllys-explica-o-discurso-do-papa

Comentários em: "O Papa fala o que quer e os católicos não querem ouvir nada!" (8)

  1. Len Costa disse:

    É fato, quanto mais a ICAR se afasta das realidades do mundo, menos adeptos esta religião terá!(Felizmente) Estamos em constante processo de evolução, seja ela intelectual ou cultural, logo tais evoluções influenciam drasticamente a sociedade como um todo! A legalização do casamento civil homoafetivo é mais que um direito a nós, é uma obrigação legal!

    Acorda Bento! #RetrateSePapa

  2. Orlando Jr. disse:

    Olá!

    Olha.. o Papa realmente nunca disse o que a impressa noticiou. Eu li o discurso dele e o deputado Jean se deixou levar pelo o que os outros disseram.

    Sou católico e não tenho nada contra os gay, mas o deputado Jean realmente errou nessa aí.

  3. Ricardo Figueiredo disse:

    Quando se tem opiniões diferente sobre determinado assunto é indispensável o diálogo respeitoso. Jean Wyllys é um deputado, formador de opinião, que tem todo direito democrático de opinar, mas é irresponsável quando calunia publicamente um chefe de estado. O papa é católico, escreve para os católicos, não ofendeu a ninguém e disse o óbvio: Destruindo-se as famílias destroi-se a sociedade civilizada.
    Quem não concorda, está desafiado a debater na força de argumentos, não com ofensas pessoais e falácias sensacionalistas.

  4. O Papa, não disse nenhuma novidade. Tudo o que ele disse, está nos documentos da Igreja.

    A novidade, foi a reação do “deputado” Jean. Uma atitude sensata. Iria tomas uma série de estudos que Demonstram que entre parceiros homossexuais, é possível haver geração de indivíduos.

    Depois, convidar especialista em biologia da reprodução, para explicar que de fato, o Papa está errado, pois já é conhecido um número determinado de casos em que indivíduos do mesmo sexo, após a “cópula” foram capazes de conceber descendentes.

    E por fim, trazer estes indivíduos para dar o seu testemunho, e dizer o que o Papa não quer ouvir. Que um homem, quando come o cu de outro homem, ele é capaz de dar a luz.

    Pois é… pena que o Jean não fez isso, se tivesse feito, ele estaria com a razão. Mas como não fez….

  5. Gilberto disse:

    Confesso que poucos entenderam até hoje o proposto de Jesus Cristo na Terra, que foi pregar o amor a todos sem distinção. Por isso mesmo o casamento gay como falam por ai dever ser plenamente aceitável, pois é uma união de duas pessoas que se amam e pronto, muita bobagem de quem é contra ou fala mal, todos somos iguais e devemos ter os mesmo direitos..

  6. Andrei Scafi disse:

    Sem dúvida o papa é um imbecil, todavia essa atitude do deputado me cheira a oportunismo eleitoral, criar polêmica, se afiliar a um grupo de alta representatividade (lgbt), para fazer seu curral eleitoral.

  7. o fato do deputado ser gay, ja faz com que levante a bandeira pelos seus direitos e de toda uma comunidade excluída por sua orientação sexual! fins eleitorados? todos candidatos tem, mas alguns sabem fazer com classe, beneficiando os seus eleitores. afinal, foram eleitos para isso: defender os interesses do povo.
    parabéns deputado Jean! o Papa além de líder religioso é líder de Estado, por isso deveria pensar antes de fazer declarações que não tem sentido nem dentro de seu próprio reduto!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: