Diversidade, em todos os sentidos

Homo Erectus.

O texto do Marcelino Freire é perfeito. A narração do célebre Paulo César Pereio é impecável. A animação de Rodrigo Burdman fecha a conta com maestria, neste vídeo sensacional! O recado é claro: ninguém tem nada a ver com a vida de ninguém.

Comentários em: "Homo Erectus." (3)

  1. Ricardo Aguieiras disse:

    Emocionante e maravilhoso!Obrigado!

  2. Cara… chorei de rir !!!!!! Muito bom !!!!Parabéns pelo blog.

  3. Anonymous disse:

    Romanos 1.26-27 – Por isso Deus os abandonou às paixões infames. Porque até as suas mulheres mudaram o uso natural, no contrário à natureza. E, semelhantemente, também os homens, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sensualidade uns para com os outros, homens com homens, cometendo torpeza e recebendo em si mesmos a recompensa que convinha ao seu erro.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: