Diversidade, em todos os sentidos

– O Inferno.

O cachorro,
preto e vermelho de sarna,
implorava pelo destino
debaixo das rodas
dos carros da avenida.

E eles,
como o resto das pessoas,
não sabiam que o que
pra elas parecia a salvação,
era o prolongamento
do inferno.
(William De Lucca)

Anúncios

Comentários em: "– O Inferno." (1)

  1. o.o’Que forte Will. Gostei!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: